Intercâmbio no Canadá - Poutine e Toronto Islands

Dia de sol em Toronto, um dia perfeito para ir à ilha. A Juliana e Eu aproveitamos que o pessoal tinha viajado para Nova York e demos um pulinho lá. A aula já tinha acabado e nós estávamos MORRENDO de fome. Paramos no primeiro KFC que vimos. Um dos principais pratos canadenses é o Poutine, que é Basicamente batatas fritas (French Fries) cobertas com um molho de carne quente e pedaços de queijo. Bom, encaramos e experimentamos! 


Conclusão: Eu não gostei NEM UM POUCO do prato! O molho de carne é extremamente forte e quente, com isso ele derrete a batata e o queijo, o que vira basicamente um sopa de batata frita, queijo e carne. Eu comentei com meus colegas sobre a minha opinião e eles falaram para eu provar em outros lugares. Com o trauma da primeira vez eu preferi parar por ali mesmo. Mas provem, vale a pena tirar a sua própria conclusão


Barriga cheia! Hora de ir pra Ilha. 

Chegar lá é MUITO fácil. Primeiro passo: ir até o Ferry! A estação mais próxima é a Union Station. Ao sair do metrô é só caminhar descer a Bay até a Queens Quay W e  entrar na praça Jack Layton Ferry Terminal. O Ferry tem o custo de 4 dólares canadenses (ida e volta) e você tem a escolha de ir para 3 pontos: Ward's Islands, Centre Island e Hanlan's Point. A caminhada entre esses pontos é INFINITA, pois a ilha é BEM extensa. Lá você pode alugar bicicletas para facilitar o percurso ou mesmo por recreação.


Não tínhamos muito tempo. Já era quase final de tarde. Optamos por explorar a ilha andando. A primeira dificuldade foi saber 'O que fazer?'. Logo no começo da Ilha tinha um mapa gigante. Andamos em direção as casas. Sim, há moradores em Ward's Island! Eu achei muito bacana, mas também pensei nas dificuldades de se morar em um lugar isolado de tudo, pois eu demorei para achar um lugar para comprar uma garrafa de água, imagine um domingo de tarde achar um fast food ali por perto: Não tem! Provavelmente são casas de final de semana, mas a maioria eram habitadas.

Café localizado em Ward's Island

Eu, como uma pessoa que ama comer, demorei mais não descansei até achar um café por lá. Tomamos um Drink e comemos uma sobremesa. Divino! O nome do local era 'The Rectory Cafe'. Era bem escondido, mas muito aconchegante. O meu drink era uma coisa estranha, pois pedi um dica ao garçom. Ele recomendou uma bebida a base de chá acompanhada de um delicioso chessecake. Super recomendo!


Depois de comer MAIS UMA VEZ, chegou a hora que eu mais esperava: a paisagem! Toronto Islands tem uma das vistas para Toronto mais belas! Você consegue ver a cidade de ponta a ponta de um ângulo panorâmico. Ao chegar lá você fica a beira rio e demora mais ou menos uns 2 minutos para cair em si diante tanta beleza. Com certeza foi um dos momentos mais marcantes e impagáveis da viagem!